COACHING NA FAMÍLIA

WhatsApp-Image-2021-08-31-at-22.45.40

*Dolane Patrícia **Aline Sanz


As famílias estão ameaçadas pelos índices alarmantes de divórcios. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) o número de divórcios no Brasil cresceu 75% em cinco anos. No meio do ano passado, o total de divórcios saltou para 7,4 mil apenas em julho, um aumento de 260% acima da média de meses anteriores.

Com a pandemia as famílias tiveram que conviver por mais tempo e intimamente, mas por qual razão o convívio tem prejudicado a união das famílias? O que se viu nos últimos meses é que as pessoas não estão conseguindo se relacionar e conviver amorosamente e pacificamente, e esse fato nos faz refletir sobre a saúde das nossas famílias e relacionamentos.

Antes de um casal se divorciar e uma família se romper existem diversos fatores que contribuíram para isso, como desentendimento na criação dos filhos, desacordos e dificuldades financeiras, infidelidade, falta de diálogo, falta de sexo e tempo de qualidade, interferência de parentes ou amigos na relação, violência doméstica, abuso de álcool e uso de entorpecentes, vícios em pornográfica, excesso de controle e críticas, deslealdade, dentre outros. Antes de um casal por fim em seu relacionamento e afetar a união da família, a cena da separação se desenha por diversas experiências de dor, sofrimento, mágoa, julgamento e culpa.

Ter mais tempo para família deveria ter sido um fator favorável e positivo para união familiar, mas não é isso que os números mostram. O tempo de sobra para estar em família revelou que muitas pessoas não estão preparadas para uma vida familiar ou que, de fato, não querem estar casados, assumindo os papéis que lhe cabem. O lado bom da separação, nestes casos, é que vidas infelizes foram desfeitas e agora muitas pessoas podem refazer suas vidas em busca de relacionamentos saudáveis.

De qualquer forma o Coaching para família vem como uma alternativa para os casais e famílias que queiram manter e aprimorar suas relações e para aqueles que se separaram e precisam aprender a viver a nova realidade, em busca de novos objetivos amorosos e familiares.

O papel do Coaching na vida familiar é capacitar e sustentar as relações familiares, aprimorar e resgatar relacionamentos entre pais e filhos, marido e esposa, ou entre irmãos. É ajudar cada membro a identificar a realidade da relação, trazer consciência sobre o qualidade da convivência, compreendendo os pontos fortes e os pontos de melhoria na família e nas relações.

Com as ferramentas do Coaching é possível trazer entendimento sobre a realidade da família, identificar quais comportamentos disfuncionais prejudicam o bom funcionamento da unidade familiar, os sentimentos tóxicos que estão destruindo o amor e a harmonia e quais vícios emocionais estão arruinando as relações, para então ter direcionamento de como agir para melhorar essa condição.

Mas o que é Coaching mesmo? O Coaching é uma metodologia que promove o desenvolvimento humano, orientada para o alcance metas e objetivos, voltada para ação, que auxilia a pessoa a identificar seu estado atual e seu estado desejado, e a criar um plano de ação para sair de uma realidade indesejada para a realidade desejada.

Com o processo de coaching a pessoa entra numa jornada de autoconhecimento e autoconsciência que traz clareza sobre tudo que está impedindo ela de ter uma conduta melhor na família e de como sua performance está prejudicando o bom funcionamento daquele lar. Com o processo, o indivíduo terá mais clareza sobre seus valores, objetivos e sonhos, o que facilitará nas escolhas e tomadas de decisões.

O processo de coaching é uma jornada de mudança que melhora a capacidade de aprender, evoluir e se aprimorar como pessoa, bem como de melhorar a performance, o desempenho e a produtividade. Com a metodologia a pessoa se sente mais capacitada a agir com disciplina, persistência e foco para alcançar os resultados que deseja.

O Coaching na família vem como alternativa para melhorar a comunicação, intensificar as conexões, compreender a importância de dedicar tempo em quantidade e qualidade para cada membro da família, criando memórias de pertencimento, importância, amor e limite. O Coaching promove o despertar de uma nova consciência, no sentido de encarar a verdade sobre a realidade vivida, assim como sobre a verdade sobre o que se deseja viver.

Muitas famílias se desfazem, pois seus membros não têm consciência dos seus reais problemas, suas reais dificuldades e, quando descobrem onde estão, não fazem ideia de como sair do estado de dor e sofrimento. Muitas famílias se destroem, pois não possuem valores, regras e princípios bem definidos e estabelecidos. Muitas famílias acabam, pois não têm objetivos e sonhos em comum, por não possuírem uma visão positiva de futuro.

Muitas famílias estão se deteriorando, pois estão sendo negligenciadas e substituídas por outras áreas da vida. As pessoas que não olham para realidade da vida em família, que estão preocupadas e ocupadas com a profissão, com a busca pelo dinheiro, saúde, conhecimento ou vida social, acabam fechando os olhos para os problemas vivenciados no seio familiar. Muitas famílias acabam, pois as pessoas não se amam e, dessa forma, não são capazes de amar os outros membros da família.

**Aline Sanz é Master Coach, Administradora, MBA em Gestão de Pessoas, escritora e pós-graduanda em Neurociência e Performance Humana. E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., WhatsApp: (95) 98114-1811 Instagram: @aline_sanz


Um 7 de setembro diferente
QUEBRANDO O SILÊNCIO
 

Comentários

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Login Aqui
Visitantes
Quinta, 19 Mai 2022
...

Oi! Clique na foto abaixo para conversar no WhatsApp com a Dra Dolane Patricia ou envie um email para dolanepatriciarr@gmail.com

Fale com a Dra Dolane Patricia
Close and go back to page